Sabe o que acontece com os ônibus velhos? A CheckMyBus conta para você

Sabe o que acontece com os ônibus velhos? A CheckMyBus conta para vocêHoje, na cidade de São Paulo, roda uma frota de ônibus estimada, aproximadamente, 15 mil ônibus, estando em operação em diversas áreas da Cidade, que são divididas por consórcios ou por região, transportando quase 3 bilhões de passageiros por ano. Quando o veículo chega à idade máxima para a operação, que é de aproximadamente 10 anos de uso, as empresas retiram o ônibus das linhas para substituir outro mais novo e, assim, continuar operando.  Claro, nesse momento as empresas de ônibus aproveitam para incorporar as novidades que irão passar a oferecer melhores comodidades aos passageiros, que vão desde banheiros em todos os carros da frota até mesmo ar condicionado e conexão wi-fi. Não sabia? Você pode conferir todas as comodidades que os novos ônibus oferecem aqui mesmo no site da CkeckMyBus!

Para onde vai o ônibus que saiu das ruas?

Sabe o que acontece com os ônibus velhos? A CheckMyBus conta para você

Os ônibus mais velhos são retirados de circulação e colocados à venda e, na maioria das vezes, passa a ser utilizado para o transporte escolar ou para o transporte rural. Porém em alguns casos, pode ser transformado em restaurantes móveis e lojas.

Nesses casos, por disporem de grande espaço interno, podem comportar uma cozinha de médio porte onde podem ser feitos lanches, porções e outros pratos. Ao invés de ser chamado de food truck (comida no caminhão), passaria a se chamar “food bus” (comida no ônibus).

Os ônibus que não são vendidos, como é o caso dos articulados e biarticulados, na maioria das vezes, acabam indo para o ferro velho para ser desmontado e as peça vendidas, já que esses carros não servem para o transporte de alunos.Algumas empresas, ainda reutilizam esses ônibus como carros de apoio, nas épocas de alta demanda de passageiros. Nas cidades paulistas de Suzano e Itaquaquecetuba, na região do Alto Tietê, os ônibus com motor traseiro e piso baixo são utilizados para o transporte na rede municipal de ensino.

Alguns outros ônibus são utilizados no transporte rural em regiões onde a agricultura é mais forte, transportando os funcionários para as fazendas ou plantações. Os ônibus que vão para essa aérea de atuação, acabam se deteriorando rápido, por conta de falta de manutenção interna ou externa e, nestes casos, o desmanche é fatalmente o “destino final” do carro.

Em algumas cidades, ainda se pode ver carros com mais de 25 anos em operação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *