Ouro Preto – Uma maravilha colonial do Brasil

Ouro preto

Quem lembra de Ouro Preto já pensa em igrejas suntuosas e casarios deslumbrantes, mas Ouro Preto vai muito mais além disso. Reconhecida pela UNESCO como Patrimônio Cultural da Humanidade, visitar suas ruas é como passear na historia do Brasil colonial. São muitas atrações para conhecer, com diversos pontos turísticos a serem visitados, belas cidades vizinhas, muitos mirantes que merecem serem fotográficas.

thumbnail_image7

São muitas igrejas, museus, minas e povoados encantadores. Portanto, se programe para poder aproveitar tantas atrações.

As igrejas de Ouro Preto

Poucas cidades no Brasil tem uma variedade tão grande de belas igrejas, super preservadas e abertas à visitação.  São vinte igrejas e capelas para visitação e cada uma dela são verdadeiras maravilhas da arte barroca.  Entre os artistas que contribuiram na construção, o mestre Aleijadinho, mestre Ataíde e Francisco Xavier de Brito.

thumbnail_image9

Visitar as igrejas são como visitar museus e entender a exuberância da época da extração do ouro na região. Muitas delas são museus e encontrara muitas deles repletas a ouro e historias do Brasil colônias. Cada uma reserva uma obra especial. O grande desafio é ter o tempo suficiente para conhecer todas. Em algumas igrejas, não têm horário fixo de abertura, se exige o pagamento de entrada (media R$ 5,00) e não é permitido o uso de maquinas fotográficas.

Principais Igrejas para conhecer:

  • Matriz de Nossa Senhora do Pilar,
  • Igreja de São Francisco de Assis,
  • Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias,
  • Nossa Senhora do Carmo,
  • Nossa Senhora do Rosário dos Pretos,
  • Igreja de Santa Efigênia.

Outras atracões

thumbnail_image10

Você poderá conhecer as minas que no passado extraia toneladas de ouro, entre as mais conhecidas que será possível conhecer a Mina do Chico Rei, a Mina Jejê, a Mina du Veloso e a Mina de Santa Rita.  Outra mina da Passagem, que foi importante é a maior mina de ouro aberta para visitantes do mundo. A Mina de Passagem fica entre as cidades de Ouro Preto e Mariana. Até 1985, mais de 35 toneladas de ouro foram extraídas desta mina.

Booking.com

Também existem diversos espaços dedicados à arte e à história da cidade e do pais. Um museu imperdível para visitar é o Museu da Inconfidência, que com diversos documentos, obras de arte mostra uma parte importante da historia da independência do Brasil. São museus que ajudam a compreender como Vila Rica se tornou a atual Ouro Preto e também a grande influência que a atividade mineradora, a religião e a escravidão tiveram sobre o povo e o desenvolvimento da região.

O que comer em Ouro Preto

IMG_2732

Sobretudo,  culinária local mineira é fantástica, por ser extremamente diversa.  Os item mais consumidos que não podem ser esquecidos são: torresmo, tutu de teijão, linguiça, costelinha e os ótimos queijos.  Decerto, sem esquecer dos doces caseiros como doce de leite e a cachaça local é muito famosa e muito consumida pelos turistas. Mas claro, beba com moderação! 🙂 Ah, lembre-se também de levar alguns produtos típicos para casa.

Não se esqueça também de visitar as cidades próximas, por exemplo ir a Mariana de trem entre outros destinos.

Como chegar em Ouro Preto?

Veja várias opções de horários de ônibus para Ouro Preto e reserve agora mesmo:

Tenham uma boa viagem !

Compartilhe este post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.