10 Clichês sobre o Brasil no exterior

10 Cliches sobre o Brasil no exteriorO Brasil é um destino muito popular para viajantes de todo o mundo. Suas praias e paisagens fenomenais, cidades pitorescas e a amabilidade do povo pintam uma imagem encantadora dos habitantes do país. Pele bronzeada e cabelos cacheados, entusiastas do futebol e ávidos bebedores de cerveja estão entre os primeiros clichês que surgem quando as pessoas imaginam o típico brasileiro ou brasileira. No entanto, alguns estereótipos pouco lisonjeiros consideram as sobremesas brasileiras com sabor muito acentuado para doces e, por isso, quase impossíveis de serem comidas, apesar de amadas por nós como no caso do brigadeiro ou do leite condensado. Quer conferir quais os clichês sobre o Brasil são verdadeiros e de onde eles vêm? Planeje uma viagem de ônibus! A CheckMyBus pode te ajudar a mergulhar nos estereótipos brasileiros conhecendo os lugares mais incríveis através dos ônibus. Com preços baixos, você pode viajar por todo o país para realmente conhecer o Brasil!

1. Todo brasileiro sabe sambar e jogar futebol

1. Todo brasileiro sabe sambar e jogar futebol

Você sabe sambar? Na cabeça dos gringos, se nasceu aqui no Brasil você tem samba no pé. Até porque, para os estrangeiros, o ritmo brasileiro mais famoso e conhecido é o samba. Basta chegar em algum lugar fora do país e dizer que é brasileiro que certamente alguém irá pedir para você mostrar uns passinhos. O mesmo acontece com o futebol! Apesar de 77% dos brasileiros declararem ser apaixonados por futebol, isso não significa que todo mundo sabe jogar. Aliás, também gostamos de outros esportes como volley, basquete, surf e por aí vai. Então, nesse caso, existem duas saídas: ou você leva tudo com bom humor e tenta explicar que nem todo brasileiro nasceu com a mesma ginga, ou o jeito é começar a ensaiar uns passinhos de samba e algumas embaixadinhas para não decepcionar.

Para realmente entender que nem todo brasileiro gosta de samba e futebol, vá até a cidade turística mais conhecida do Brasil, o Rio de Janeiro. Você irá se impressionar com os diferentes ritmos musicais como a bossa nova ou até mesmo o funk. E basta dar um passeio pela orla da praia para ver muitos ciclistas, skatistas, surfistas e muitas pessoas praticando os mais diversos tipos de esportes. Não perca a vista do Morro Dois Irmãos e o entardecer em Copacabana e Ipanema.
 

2. Existem bichos selvagens andando pelas ruas

2. Existem bichos selvagens andando pelas ruas

Pode parecer loucura, mas a maioria dos gringos acredita realmente que onças pintadas, anacondas e outras espécies de animais silvestres podem ser vistos nas ruas de todas as cidades, caminhando ali do seu ladinho, em pleno rush das 6h da tarde na Avenida Paulista. É verdade que o Brasil tem o território cheio de florestas e a natureza exuberante pode ser apreciada pelas pessoas, mas esse contexto não combina em nada com os grandes centros urbanos, que têm os mesmos problemas e características como em qualquer outro lugar do mundo!
 
Se você procura estar perto de animais silvestres o melhor é sair da cidade grande e buscar um destino no interior do país, bem próximo à natureza. Amazônia, Chapada Diamantina, dos Guimarães, dos Veadeiros, Ilha de Marajó, os Lençóis Maranhenses, o Pantanal, opções certamente não faltarão. Mas se você está no sudeste e quer ficar perto da natureza o mais fácil é seguir para o litoral e apreciar as belezas da Mata Atlântica ou visitar cidades como Itatiaia e Resende que ficam mesmo na Serra da Mantiqueira.

3. Carnaval o ano todo

3. Carnaval o ano todo

Allah-la-ô ô ô ô ô… Mas que calor ô ô ô ô! Ouvimos constantemente frases como “o ano só começa depois do Carnaval”. Muitos de nós adoraria que isso fosse verdade, mas isso não é a realidade. Claro que a felicidade e a simpatia do povo brasileiro não depende do carnaval e, sempre que podemos, encontramos um bom motivo para festejar. Basta chegar o final de semana e juntar os amigos para um churrasco que fica tudo ótimo. Mas carnaval é só uma vez por ano!
 
Se você adora essa festa, o melhor é conhecer de cara um dos maiores carnavais do país embarcando para Salvador. A oportunidade de conhecer essa cidade histórica e cheia de ginga é imperdível!

4. Que Teresina tem praia

4.  Que Teresina tem praia

Apesar de estar localizada no nordeste brasileiro, Teresina está localizada à 343 km de distância do litoral! Sim, é isso mesmo, Teresina é a única capital nordestina que não tem praia. Apesar disso, Teresina tem pontos turísticos que não faltam e uma história muito interessante, à começar pelo próprio nome da cidade, que homenageia a Imperatriz Teresa Cristina Maria de Bourbon – esposa de D. Pedro 2º. Outra curiosidade que poucos sabem: o traçado original da cidade se parece com um tabulerio de xadrez.
 
Se você se interessou por Teresina, programa-se para tomar um refresco chamado Cajuína e conhecer a rua que divide os estados do Piauí e do Maranhão, o Museu do Piauí e o Palácio Karnak.

5. A capital do Sergipe é Recife, né?

5. A capital do Sergipe é Recife, né?

Não, a capital de Sergipe é a belíssima Aracaju que, entre outras coisas, é famosa pela passarela do caranguejo. Apesar de ser menos badalada que as vizinhas Salvador e Maceió, a cidade também conta com ótimas opções para quem gosta de dançar e curtir a noite, afinal tem casas de forró com programações recheadas o ano inteiro e, em junho, promove um dos mais empolgantes festejos juninos do Brasil!
 
Para conhecer mais sobre Aracaju, aventure-se pela orla e aprecie um por do sol na Praia do Refúgio.

6. Todo mineiro ama pão de queijo

6. Todo mineiro ama pão de queijo
Aqui temos que confessar… todos nós amamos pão de queijo! E não é que os mineiros não amem, mas Minas é muito mais do que pão de queijo! Broa de milho, bolinho de chuva, bolo de cenoura com cobertura de chocolate, biscoito de polvilho, requeijão, pãozinho quentinho saindo do forno e um bom café preto coado na hora! Meu Deus, não há quem resista às delícias culinárias de Minas Gerais.
 
Belo Horizonte é a capital da boa mesa mineira. Além das delícias culinárias, a parte histórica da cidade antiga e a vida noturna nos botecos da região do Bairro de Santa Terese é acerto em cheio para todos que querem conhecer a capital do estado.

7. Paulistano só trabalha

7. Paulistano só trabalha

É mesmo verdade que nesta cidade que nunca dorme, sempre cheia de trânsito mas também em movimento, as pessoas trabalham muito e perdem muitas horas se deslocando até seus locais de trabalho. Mas paulistanos encontram tempo para tudo, principalmente quando o assunto é diversão e vida social. A começar pelo famoso e tradicional happy hour que rola depois do trabalho e a galera pode relaxar depois do dia estressante tomando um chopinho, até as baladas mais lotadas que vão até o sol raiar ou os milhares de restaurantes e botecos espalhados por toda a cidade. E tem mais: teatros, cinemas, museus, exposições e galerias de arte, mostras e shows, São Paulo é o mundo dentro de uma só cidade. Lá, você só fica sem fazer nada se quiser.
 
Existem várias grandes cidades que você pode visitar no Brasil, mas certamente São Paulo não vai deixar dúvidas sobre ser uma metrópole. Chegando lá, passeio certo é visitar o MASP na Avenida Paulista, centro financeiro e cultural do país. Se você tiver tempo, um passeio pela Avenida Faria Lima fará você descobrir os arranha-céus mais altos do Brasil.

8. Todo brasileiro vive na praia

8. Todo brasileiro vive na praia

Estrangeiros pensam que todos os brasileiros, sempre que têm um tempinho, estão na praia. Mal sabem eles que a maioria dos brasileiros nem mesmo chegou a colocar seus pés na areia de uma praia, qualquer que seja ela. Difícil de acreditar em um país que tem uma extensão costeira de mais de 8.500 km, abrangendo 17 estados e mais de quatrocentos municípios. Mas o Brasil é muito grande e repleto de belezas naturais: cachoeiras, represas, desertos, montanhas e cidadezinhas que encantam a todos.
 
Para descobrir apenas uma pequena parte da linda natureza do interior do país, vá para Bonito, por exemplo. Chegando em Campo Grande, pegar uma van ou um ônibus.

9. Que o português do Brasil é como o português de Portugal

9. Que o português do Brasil é como o português de Portugal

Apesar de Brasil e Portugal falarem a mesma língua, muitas palavras e especialmente o sotaque é bem diferente quando se trata dos dois países. Tanto é, que muitas vezes fica difícil entender o que nossos irmãos patrícios querem dizer. Um exemplo muito engraçado seria a frase em português brasileiro “estou no acostamento porque minha perua não tem estepe” que, em Portugal, seria falada “estou na berma porque minha carrinha não tem pneu sobresalente”!
 
Vários estudos apontam o Maranhão como o local onde se fala mais corretamente a língua portuguesa no Brasil. Por isso, o melhor jeito de vivenciar essa experiência é visitar São Luis.

10. Todo brasileiro come arroz e feijão

10. Todo brasileiro come arroz e feijão
A famosa combinação “arroz com feijão” realmente está na maioria dos pratos brasileiros e, além de ser a base do PF (prato feito), é uma mistura cheia de nutrientes. Mas em um país tão grande e formado por culturas completamente diferentes, outros tipos de comida acabam chegando à mesa, como o churrasco, peixes e frutos do mar, as delícias da Bahia ou do Pará, frutas frescas. A variedade da culinária brasileira impressiona qualquer um que chegue por nossas terras.
 
Se o assunto é culinária fica difícil escolher pra onde viajar no Brasil e apreciar pratos deliciosos. Mas certamente um verdadeiro e excelente churrasco você encontrará no sul do país! Neste caso Porto Alegre é o seu destino!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *